Ads

Hardware é qualquer componente físico de um sistema de computador que contém uma placa de circuito ou outros componentes eletrônicos. Um exemplo perfeito de hardware é a tela na qual você está visualizando esta página. Seja um monitor, tablet ou smartphone, você está diante de um componente de hardware.

Sem qualquer hardware, seu computador não existiria e o software não poderia ser usado. Os hardwares podem ser internos, ou seja, eles fazem parte do seu computador ou externos, ou seja, são dispositivos que podem ser integrados ao hardware já existente do computador.

OBS: Podemos chamar de “computador” qualquer dispositivo com poder de processamento, isso inclui um PC, notebook, tablet, smarphone, dispositivos de casas inteligentes como a Alexa ou similares.

Hardware Externo ou Periféricos.

Como já vimos, o hardware externo é aquele que acrescentamos em nosso sistema computacional, demos um exemplo de um monitor. Este tipo de hardware também pode ser chamado de periféricos ou até mesmo acessórios de informática como algumas lojas preferem chamar por se um termo mais comercial.

Se você usa um PC, o monitor é considerado externo, afinal ele está conectado em seu computador através de um cabo. Mas se você usa um tablet ou smarphone, ele é considerado interno pois ele já está integrado a estrutura de computação do seu dispositivo móvel.

Vamos conhecer outros exemplos de hardware externo.

Exemplos de hardware externo ou periféricos.

  • Teclado
  • Microfone
  • Mouse
  • Impressora
  • Caixas de Som
  • Pen Drivers
  • HDs externos
  • Cartões SD
  • Fones de ouvido
  • Webcam
  • Joystick (controles para jogos)

Hardware Interno.

É aqui que as coisas ficam interessantes. O hardware interno são os hardwares essenciais para que seu computador funcione, sem eles, não seria possível usá-lo. Em um PC, a montagem do hardware interno começa pela placa-mãe, seguida do processador e depois memórias Ram, mas além disso, existem outros hardwares essenciais para que este conjunto funcione bem como uma fonte de alimentação, um disco de armazenamento entre outros, vamos listar os principais deles aqui;

Principais componentes de hardware interno que encontramos em um PC

Placa mãe (Motherboard)

Exemplo de uma placa mãe e como ela é organizada.

Como o próprio nome sugere, uma placa mãe é responsável por fazer com que todos os outros hardwares, interno ou externo, funcionem. Basicamente, tudo é conectado à ela. Quando vamos montar um computador, é importante escolher uma boa placa para que ela suporte todas as suas necessidades de conectividade.

As principais caracterizas de uma placa mãe são; sua voltagem, quais processadores ela suporta, qual a velocidade de comunicação com a memória RAM (barramento),e qual a velocidade de comunicação com o HD e se a placa de vídeo é on board ou off board ou seja, se já é integrado a ela ou deve ser comprado a parte.

Processador

Processador, um componente relativamente pequeno mas o mais poderoso de todos.

O processador é o coração do computador, juntamente com o Sistema Operacional, ele é responsável por fazer todas as tarefas que você solicita ao seu computador funcionarem.

Seus jogos e seus softwares favoritos, a sua navegação com a internet, tudo passa pelo processador, nada escapa dele.

Durante a montagem de PC é importante saber se o processador é compatível com a placa mãe escolhida, haja vista que temos diversos fabricantes diferentes de processadores e placas.

É muito comum alguns kits de processadores virem com um cooler, uma espécie de ventilador que encaixamos sobre o processador para que possamos refrigerá-lo. Ao contrário do que muitos pensa, o cooler não manda vento para o processador, na verdade ele faz o contrário para poder tirar o ar quente. O cooler normalmente é montado sobre uma estrutura de silício que permite dissipar melhor o calor que normalmente será removido por um cooler maior que se encontra no gabinete do PC.

As principais características de um processador são; a quantidade de núcleos, sua velocidade e seu cache. O cache é a capacidade que o processador tem de armazenar dados dentro dele mesmo sem ter que usar a memória RAM para isso, tornando-o ainda mais rápido.

Memória RAM

Exemplo de uma memória RAM

A memória RAM trabalha junto com o processador, ela organiza todas as informações que entram e auxilia também na saída delas. Se você solicita ao seu computador que executa uma tarefas (abra o Google Chrome por exemplo), o Sistema Operacional irá enviar o seu pedido para o processador que irá carregar o Chrome na memória RAM para que você possa usá-lo.

Por este motivo a quantidade de memória RAM é tão importante em um computador. Se você tem o costume de usar softwares pesados, é importante ter um bom conjunto de placa mãe, processador e memória RAM. De nada adiantará ter uma excelente placa mãe e um péssimo processador ou uma péssima memória RAM.

As principais características de uma memória RAM são; o tipo de memória sua velocidade e a velocidade máxima que ela pode usar do barramento da placa mãe. Portanto, a memória que você usar deve ser compatível com a placa mãe e vice-e-versa.

Disco Rígido (HD)

A esquerda um HD mecânico (HDD) formato por um conjunto de discos, uma agulha de leitura e um motor sendo este o mais popular e mais barato. A direita um HD eletrônico (HD-SSD) aonde não temos mais o conjunto mecânico. O fato de ser eletrônico tem 6x mais velocidade do que o mecânico.

Aonde são armazenados nossos arquivos, o sistema operacional e nossos softwares favoritos.

As principais características de uma memória RAM são; o tipo do HD, sua velocidade, sua capacidade de armazenamento e a capacidade do seu cache interno. Assim como nos processadores, o cache interno permite que o HD não utilize a memória RAM para resolver algumas tarefas.

Fonte de alimentação

Exemplo de fonte de alimentação indicada para PC gamers.

É quem irá alimentar a placa mãe fornecendo energia para ela e para os hardwares conectados a ela. Quanto mais hardware você utilizar em seu computador maior deverá ser a capacidade da fonte.

A principal característica de uma fonte de alimentação é justamente a potência (medida em watts) que ela fornece para a placa mãe que pode variar de 300w até 750w ou até mais dependendo das necessidades do computador.

Em um PC montado apenas para trabalhado, uma fonte de alimentação de 400w pode ser mais que suficiente, mas um PC gamer pode exigir pelo menos 550w.

Ads